4 tipos de investimentos que ainda estão em alta em 2017

Tempo de leitura: 3 minutos

O ano de 2017 se encaminha para o fim e muita coisa aconteceu no cenário econômico brasileiro ao longo desses meses. No entanto, alguns tipos de investimentos continuam se mostrando bastante interessantes para quem busca aumentar o patrimônio com poucos riscos de perdas.

Desde os tipos de investimentos mais tradicionais, como os de renda fixa, até as ideias mais ousadas e relacionadas com conceitos modernos, como economia colaborativa e startups, há alternativas que seguem em alta e dão sinais de que vão manter o fôlego por bastante tempo ainda. Veja 4 delas!

1. Tesouro Direto

O Tesouro Direto segue sendo um investimento queridinho de muita gente.

Ele funciona como uma espécie de empréstimo ao Governo Federal, no qual o investidor compra um título com uma promessa de remuneração, que será entregue se o título for resgatado no vencimento contratado.

É um dos investimentos mais seguros e certeiros que existem, com baixíssimo risco de calote e possibilidades interessantes de lucro para quem não resgata o título antecipadamente.

Por mais que as flutuações da economia possam influenciar na rentabilidade dos títulos atrelados a índices financeiros (IPCA e SELIC), investir no Tesouro Direito compensa, pois a chance de prejuízo é quase nula.

A taxa SELIC, por exemplo, é sempre positiva. Logo, por mais que ela possa cair e fazer seu dinheiro render menos do que poderia, ainda assim ela estará rendendo algum percentual acima de 0.

Caso queira entender um pouco mais sobre o Tesouro Direto, confira este post especial que fizemos.

2. Investimento-anjo

Investir em empresas iniciantes e startups pode ser uma boa alternativa. Muitas delas estão precisando somente de uma injeção de capital para validar o modelo de negócio. Seu investimento pode ser o responsável por acelerar esse processo, até que todos cheguem aos lucros.

De outro lado, se é o seu negócio que necessita do apoio de um investidor-anjo, saiba que também existem muitos deles por aí, dispostos a aplicar dinheiro do próprio bolso em troca de uma contrapartida do sucesso da sua empresa.

Independentemente do lado em que você se encontra, fique atento para a regulamentação dos tributos sobre distribuição de lucros nos investimentos-anjo, que foi lançada em 2016, e analise com cautela o negócio em que está investindo.

O risco é inerente ao investimento, mas pode ser amenizado se esses cuidados forem tomados.

3. Empréstimo coletivo

Todo negócio precisa de crédito, mas recentemente muitos têm optado por fugir das linhas de crédito oferecidas por instituições bancárias, preferindo aportes de investidores (como o investimento-anjo que mencionamos anteriormente) ou empréstimos feitos por outras pessoas físicas e/ou jurídicas.

Nessa última modalidade, têm se destacado os empréstimos peer to peer (P2P), feitos por meio de plataformas colaborativas, nas quais pessoas se cadastram e emprestam seu dinheiro. A ideia é formar uma espécie de “vaquinha” que será usada para financiar empresas e projetos.

Com base nos conceitos modernos de economia colaborativa, esses empréstimos também chamam a atenção por serem mais facilmente acessíveis, menos burocráticos e por cobrarem taxas de juros mais baixas.

4. Letra de Crédito do Agronegócio (LCA)

A tradicional LCA também continua firme e forte, financiando o agronegócio e oferecendo atraente rentabilidade e liquidez com pequeno risco.

Ela funciona de forma similar ao Tesouro Direto, ou seja, pela compra de títulos — exceto pelo fato de que a venda é feita por instituições financeiras privadas.

É um investimento isento de incidência do Imposto de Renda, ou seja, seu retorno é maior. Além disso, as aplicações de até R$ 250 mil são garantidas pelo Fundo Garantidor de Crédito, tornando-as mais seguras.

O que você acha desses tipos de investimento? Quer continuar conhecendo maneiras de investir seu dinheiro com sabedoria e segurança, e ainda por cima aprender sobre investimentos florestais? Então assine a nossa newsletter e receba conteúdos exclusivos diretamente na sua caixa de e-mail!

Sobre RockContent

Esta área é reservada para a biografia do autor e deve ser inserida para cada autor a partir da seção Informações biográficas, no painel administrativo. Caso deseje incluir links para as redes sociais de cada autor do site, recomendamos que instale o plugin WordPress SEO. Após instalado, o plugin criará os respectivos campos para links das principais redes sociais (Facebook, Google Plus e Twitter). Após preenchidos os campos, os links de cada rede aparecerão automaticamente aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *